Opinião Sincera | The Flash (5ª Temporada)

 

Chegou ao fim a 5ª temporada de The Flash. Após três temporadas trazendo vilões velocistas, a quarta temporada tentou manter o nível trazendo um vilão que não tivesse o mesmo poder do protagonista. Tarefa essa que foi bem cumprida ao longo da metade da temporada, porém foi decaindo a cada episódio próximo ao season finale. A última temporada veio com a missão de superar a anterior com um antagonista mais ameaçador, será que funcionou?

Nesta temporada, fomos apresentados ao vilão Cicada, um cara que, junto a sua sobrinha, foi atingido por estilhaços do satélite de DeVoe. Isso fez com que ele se tornasse um meta-humano controlando uma adaga feita com parte do satélite e cheio de desejo de vingança contra todos os meta-humanos da cidade. Além disso (spoilers adiante), surge em Central City a filha de Barry e Iris que volta no tempo para poder conhecer seu pai, que sumiu no futuro, e ajuda-lo a derrotar esse novo vilão.

A princípio, Cicada é realmente um vilão mais assustador, deixando quase impossível encontrar um jeito de derrota-lo, porém, a história começa a abrir algumas sub tramas que tiram o foco do Cicada e reduzem sua ameaça ao ponto de ter episódios que ele nem aparece. Sem querer dar muitos spoilers, chega um momento que a trama dele dá uma virada bem aleatória que poderia ter sido cortada sem nenhum prejuízo para a história que queriam contar, servindo apenas para prolongar uma temporada que não tinha mais para onde ir.

[Grandes spoilers abaixo]

Outro ponto que deixou a desejar foi a participação da filha do Barry que não se justificou apenas com a desculpa de ter voltado para conhecer seu pai, sendo que sua relevância se deu justamente por causa do twist sem sentido da temporada. O lado bom foi que ela serviu de artifício para trazer de volta o melhor vilão da série interpretado pelo melhor ator, o Flash Reverso.

[Fim dos spoilers]

No geral foi uma temporada mediana que seguiu o padrão da anterior: apresentou um vilão promissor na primeira metade, caiu na segunda metade e deixou um grande gancho para a próxima, que espero que seja melhor que essa, visto que todo esse arrowverse está caminhando para o fim, que deve ser provocado pelos acontecimentos do próximo crossover “Crise nas Infinitas Terras”. Só nos resta aguardar para ver.